Amante do movimento. 

Pesquisadora em tempo integral.

Raiz na estrada.

Artista.

Marina Abib Candusso é bailarina, educadora e articuladora cultural. Desde 2012 vive entre Brasil e Europa atuando em diferentes projetos de pesquisa, criação e ensino. Autodidata por formação tem na sua estrutura de pesquisa o risco e o rastro como princípios de aprofundamento. 

 

Fundou em 2008 a Companhia Soma e em 2017 a produtora cultural Casa do Movimento e em 2018 o encontro anual de dança C.O.R.P.O.

 

Dentre seus mais recentes trabalhos estão Amarelo Diamante solo em parceria com o artista plástico Fabio Delduque (Brasil); Mulher Diaba e Dr. AmorEstranho dueto com Diogo Granato (Brasil); 400 Coelhos com Beno Novak (Eslovênia); A Cabra solo dirigido por André Casaca (Itália) e Raízes da companhia Untamed (Bélgica). 

 

Colaborou enquanto coreógrafa e bailarina do longa metragem Brincante - o Filme de Walter Carvalho (Brasil); do videoclipe Chamamento da banda Mawu (Brasil); do espetáculo Naturalmente e Passo de Antonio Nóbrega (Brasil).

 

Fez o olhar externo do espetáculo Sagapo  (Italia|França); a direção artística do Vendaval (Brasil); a direção do LiterAto (Brasil); e colaborou enquanto coreógrafa do espetáculo Altissonante Alfonsina de Lu Menin (Brasil).

 

Sua formação acadêmica enquanto cientista social impulsionou sua paixão pela escrita o que lhe rendeu publicações e participações em livros e revistas.

foto: Andre Marques Albuquerque